Unidade II - Educação infantil

Rua Jureia, 575 - Vila Mariana, São Paulo - SP
[55] 11 5572-1274

  • Grey Facebook Icon
  • medium-m-color-688_edited
  • Grey Instagram Icon
  • Grey YouTube Icon

Unidade I - Berçário

Rua São Samuel, 165 - Vila Mariana, São Paulo - SP
[55] 11 5084-0111

Fragmentos de um processo documental: o Grupo V e a Caramboleira

04/09/2018

A V Mostra Cultura da Infância da Ateliê Carambola se aproxima. Neste momento, os processos documentais que dão visibilidade aos pensamentos e teorias infantis pulsam na nossa Escola. Até o dia 10 de novembro, quando as duas unidades estarão de "segunda pele", com seus espaços tomados de sentidos e significados, nós contaremos aqui no Blog e na Caramboleira (nossa newsletter) alguns fragmentos do que cada grupo tem vivido e construído.

 

A seguir, um pedacinho do Grupo V e um grande símbolo da Unidade 2: a caramboleira que habita o centro do quintal de possibilidades para as crianças de 3 a 6 anos. A relação delas com a árvore é tremenda, um ciclo que acompanha cada fase - de ambas - e se desenrola em observar, contemplar, perguntar e criar a partir de seus tronco, folhas e frutos, da minicarambolas que nascem àquelas que caem e amarelam o chão. É a natureza e seus tempos bem diante dos olhos, numa poética do brincar muito significativa. E também bastante relaciona com o projeto Pássaros, vivido intensamente pelo mesmo grupo, e que você pode relembrar nesse post.

 

 

 

Por Isa e Tainah

 

CARAMBOLEIRA: COMO VOCÊ SERIA SE FOSSE UMA FOLHA?

 

O processo de vida da Caramboleira caminha com o processo de vida de cada uma das crianças. No cair das folhas e no surgimento de novas, da pequena flor rosa e vermelha até as carambolas pretas, verdes, amarelas e laranjas, o grupo V viveu momentos de descobertas, alegrias e frustrações. Além disso, fizeram amigos e cresceram.

 

Assim pensamos que as crianças do Grupo V, tal qual a caramboleira, também poderiam deixar marcas eternas nas paredes da escola. Tivemos conversas, reavivamos as lembranças dos estudos da árvore no início do ano e propusemos que cada uma contribuísse com sua folha, galhos e tronco de argila para colocarmos numa única caramboleira na parede. Com cada criança, como uma folha única e de muita importância, construímos uma grande caramboleira que serviu e servirá para que muitos outros pássaros possam voar e repousar.

 

 

 

A partir da pergunta “como você seria se fosse uma folha, um tronco ou um galho?”, cada criança transpôs para a argila o que para ela era único, compondo assim um conjunto de belíssimas diferenças que, ao final, fizeram parte da grande Caramboleira de 2018.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload